Contraindicações do Tribulus

Uma planta bastante conhecida por conta das suas finalidades medicinais, o Tribulus Terrestris está sendo cada vez mais procurado entre as pessoas, ainda mais considerando que ele é um excelente afrodisíaco e pode melhorar e muito o desempenho sexual.

Muitos homens que enfrentam disfunção erétil, por exemplo, começam a fazer uso desse fitoterápico com o intuito de conseguir ter ereções mais prolongadas e até mesmo aumentar a libido.

Além desses benefícios mais relacionados com a performance sexual, o Tribulus também pode ajudar no ganho de massa muscular, na redução da pressão arterial, no controle do triglicérides, entre outras coisas importantes.

Resumidamente, pode-se dizer que os benefícios que essa planta causa ao organismo foram sendo descobertos aos poucos, e muitos ainda não foram testados e comprovados de fato em seres humanos.

Todavia, quem faz uso da planta alega que ela é mesmo eficiente para inúmeros problemas, principalmente aqueles ligados ao desempenho sexual.

Tendo tudo isso em vista, será que todas as pessoas podem fazer uso do Tribulus? Quais são as contraindicações desse fitoterápico?

Saber ao certo isso é fundamental para evitar futuras complicações. Veja mais sobre esse assunto no decorrer do conteúdo.

História do Tribulus no mundo

Resumidamente, é possível dizer que o Tribulus Terrestris já é conhecido há bastante tempo por diferentes povos ao longo do mundo. Em cada lugar a planta fez a sua história e era utilizada com uma finalidade diferente.

Na Grécia Antiga, por exemplo, ela era muito usada como um regulador intestinal e como laxante. Na China, por sua vez, o Tribulus era voltado mais para o tratamento de dores, no geral.

Já os povos indianos aproveitaram e ainda aproveitam bastante o efeito afrodisíaco dessa planta, o qual atualmente já é conhecido no mundo todo.

Na Europa, por volta dos anos 70, já começaram a existir alguns estudos para comprovar se o Tribulus era realmente capaz de ajudar no tratamento de disfunção erétil e de impotência sexual.

Por meio de tudo isso, a planta foi ficando cada vez mais famosa, principalmente entre os homens que enfrentam algum desses problemas sexuais.

Tribulus Terrestris e a melhora no desempenho sexual

Como já deu para perceber, o Tribulus Terrestris é sim capaz de melhorar o desempenho sexual de muitas pessoas. Nos dias de hoje, essa planta já é conhecida como Viagra Natural.

Um estudo feito na Indonésia com 45 homens, constatou que o uso do Tribulus melhorou em 65% o desempenho sexual desses homens. É um número realmente significativo, não é mesmo?

Contudo, novas pesquisas e estudos estão sempre sendo feitos a fim de comprovar ou não os inúmeros benefícios que essa planta pode trazer para o organismo.

O importante é ressaltar que vários homens que usam ou que já usaram compostos naturais dessa planta relatam uma melhora significativa na performance sexual.

É claro que isso vai depender e muito do organismo de cada pessoa também, por isso é importante estar atento.

O mais recomendado é que o uso de qualquer produto que seja composto pelo Tribulus seja feito de acordo com uma orientação médica adequada.

Se você está querendo melhorar o seu desempenho sexual, não deixe de procurar um profissional e de falar que quer começar a usar a planta como forma de atingir o seu objetivo.

A partir disso, ele dirá exatamente a dose a ser tomada, em quais horários e por quanto tempo.

Contraindicações do Tribulus

Mesmo com todos os benefícios que a planta pode trazer ao organismo, é preciso tomar cuidado com as contraindicações do Tribulus Terrestris.

Pessoas com alterações cardíacas, com diabetes ou com hipertensão, por exemplo, não devem fazer o uso de qualquer composto natural que contenha essa planta sem o devido conhecimento do médico.

Além disso, outra contraindicação é para as gestantes e lactantes. Durante a gravidez, a planta é capaz de elevar o risco de malformação do feto.

Pessoas que apresentam hiperplasia benigna de próstata precisam conversar com um profissional antes de começar a consumir a planta, assim como aquelas que apresentam disfunções ou doenças renais ou hepáticas.

Quem possui a pele oleosa ou que esteja fazendo um tratamento contra acnes deve evitar o produto, visto que ele pode acentuar os quadros.

No geral, é importante ressaltar novamente que o ideal é que qualquer pessoa, mesmo aquela que não apresenta nenhum dos sintomas que foram mencionados acima, consulte um médico antes de fazer uso do Tribulus Terrestris.

Mesmo sendo um composto natural, é sim possível sofrer com alguns efeitos colaterais se não consumido da forma certa. Portanto, todo cuidado é pouco.

Efeitos colaterais do Tribulus

Falando em efeitos colaterais do Tribulus, os principais que podem aparecer com o consumo são: gases, distensão abdominal, agitação, insônia, dores de cabeça, dificuldade de concentração, surgimento de acnes, irritabilidade, aumento da oleosidade da pele, entre outros que não são tão comuns.

O consumo excessivo do fitoterápico pode ainda favorecer doenças como o câncer, pelo fato de causar mutações genéticas perigosas.

Além disso, é possível que o uso de Tribulus possa causar ginecomastia, ou seja, o desenvolvimento de mamas em homens.

Todos os efeitos que foram citados podem tanto serem causados pela ingestão incorreta quanto por conta de alguma sensibilidade do organismo.

Dessa forma, mesmo seguindo exatamente aquilo que foi recomendado pelo médico é fundamental estar sempre atento caso sinta algum desconforto.

Se isso acontecer, pare o consumo imediatamente e volte a procurar o profissional para informá-lo sobre o que ocorreu de fato.

É claro que se você respeitar corretamente a quantidade e os horários de consumo, as chances de ter alguma complicação são realmente baixas.

Apenas não deixe de tomar o máximo de cuidado possível. Caso tome algum medicamento continuamente, é preciso ver se o Tribulus não vai cortar ou aumentar o efeito desse remédio também.

Levando todas essas informações em consideração, o Tribulus Terrestris é melhor que a Maca Peruana e realmente pode ajudar muitos homens a lidarem com problemas de disfunção erétil e de impotência sexual, problemas que são bem ruins de fato.

Mas, apesar disso, procurar um médico antes de começar o consumo é importante, assim como seguir todas as recomendações que serão dadas pelo profissional.

Deixe seu comentário