Por que os homens querem tanto ter um pau maior?

Tamanho é documento? Ter um pau grande importa mesmo? Essa discussão é pauta para muitos debates, entre homens e mulheres, que questionam se, de fato, tamanho importa.

Por que os homens querem tanto ter um pau maior?

Há quem diga que não, no entanto, essa é uma preocupação que homens do mundo inteiro possuem. 

O debate a respeito do tamanho traz diversas questões como: masculinidade tóxica, representação na sociedade e, também, orgulho.

Tem quem bata no peito para falar que “maior é melhor” e outras sentenças nesse estilo – mas, é melhor para quem?

Segundo pesquisas, se as mulheres pudessem escolher o pênis ideal, ele teria cerca de 16 centímetros, nada a mais, nada a menos – diferente do que muitos pensam por aí, devido à representação irreal do homem nos filmes pornô. 

Assim, levantando toda essa discussão nos perguntamos: tamanho realmente importa? Ou tudo isso é coisa da sua cabeça e faz parte de uma pressão da sociedade? 

As questões sobre esse assunto são muitas, e vão muito além do sexo.

A ideia de que quanto maior um pênis, melhor, está ligada a diversos fatores que são, na maioria das vezes, externos ao sexo e tudo o que lhe diz respeito. 

Dessa forma, chegou a hora de dizer: tamanho não é tudo. Mas, se isso não é importante, por que os homens se preocupam tanto em ter um pau grande? Continue a leitura para descobrir. 

No fundo, porque queremos um pau maior?

No fundo, porque queremos um pau maior?

Para desmistificamos o tamanho “ideal” de um pênis, antes de tudo, devemos nos perguntar o porquê da busca interminável por um pau grande.

Nesse sentido, as respostas para essa questão nunca serão as mesmas, afinal, cada um pensa de um jeito e os motivos para isso podem ser infinitos. 

No entanto, existem alguns pontos que podem ser levados em conta para explicar essa tendência. 

Medo de não ser desejado

A insegurança é uma dos principais fatores que giram em torno dos homens desejarem ter um pau grande.

A verdade é que muitos deles, por não terem um pênis muito grande, sentem, de fato, medo de não serem desejados por outras pessoas.

Vontade de dar mais prazer para a/o parceira/o

Na hora do sexo, o objetivo principal é receber e dar prazer.

Sendo assim, a insegurança relacionada ao tamanho do pênis pode estar diretamente ligada à vontade de dar ainda mais prazer para o seu parceiro ou parceira. 

E, por mais que o sexo seja bom, ainda há uma pontinha de insegurança que diz que tudo aquilo poderia ser melhor com um pau grande. 

Insegurança de ser trocado

Todos nós temos medo da rejeição e, principalmente, de sermos trocados por outra pessoa.

Assim, a questão “queria ter um pau grande” pode ser potencializada pelo medo de ser trocado por alguém que possua um pau maior e que, teoricamente, “dê conta do recado”. 

A ideia de que um pau grande satisfaz mais na hora do sexo é o que gera a insegurança naqueles que contam com um pênis menor.

Mas, a verdade é que sexo não se resume à penetração e entender isso pode mudar a forma com que você lida com essa situação. 

Estética

Outro fator que pode explicar a ideia de que um pênis maior é melhor é a estética.

Afinal, ter um pau grande faz parte do padrão estipulado pela sociedade, onde homens com membros maiores estão no topo e são mais desejados por outras pessoas. 

Que tipos de compreensões podem fazer com que isso seja um incômodo menor?

Ou seja, como se livrar dessa neura?

A ideia de que ter um pau grande é algo obrigatório para que todo homem seja, de fato, um homem completo é algo que bagunça a cabeça de muitos rapazes por aí. 

A pressão da sociedade e estereótipos irreais fazem com que muitos homens se preocupem, de forma incessante, com essa questão.

No entanto, para os parceiros e parceiras, a verdade é que isso não importa. 

1. Atingir o tamanho ideal não significa que assim você estará satisfeito

Vamos aos fatos: padrões mudam e, o que hoje é uma tendência, amanhã pode cair em esquecimento.

Assim, atingir o tamanho ideal, através de cirurgias ou métodos mirabolantes, não significa necessariamente que você ficará satisfeito. 

Dessa forma, o que gera o incômodo não é a sua condição, mas a pressão para que você seja do jeito x ou y, por pura questão estética de padrões impostos pela sociedade. 

2. Tamanho não define prazer

E ponto. O prazer na hora do sexo não diz respeito ao tamanho do pênis, grossura ou nada do tipo, ele está relacionado ao toque, ao clima e à disposição. Sendo assim, tamanho, nesse caso, é o de menos.

A frase “tamanho não é documento” nunca fez tanto sentido.

Entretanto, é necessário desconstruir e compreender, mesmo que aos poucos, que o tamanho do seu pau não é um problema e não há com que se preocupar. 

Afinal, tudo isso faz parte de um ideal inalcançável e cabe a você parar de tentar se encaixar nesses parâmetros – e simplesmente ser você mesmo, sem a necessidade de ter um pau grande. 

Deixe seu comentário